AS TRÊS MAIORES RELIGIÕES MONOTEÍSTAS DO MUNDO

Get Started. It's Free
or sign up with your email address
AS TRÊS MAIORES RELIGIÕES MONOTEÍSTAS DO MUNDO by Mind Map: AS TRÊS  MAIORES RELIGIÕES MONOTEÍSTAS DO MUNDO

1. JUDAÍSMO

1.1. Atualmente possui cerca de 14,2 milhões de judeus pelo mundo.

1.2. A religião se desenvolveu com a civilização hebraica, através de Moisés, Davi e Salomão.

1.3. As tradições religiosas dentro das ramificações judaicas são: Judaísmo Ortodoxo, Judaísmo Conservador, Judaísmo Reformista, Judaísmo Reconstrucionista e Judaísmo Humanista.

1.4. Os judeus seguem os ensinamentos da Torá e da Bíblia Hebraica. Segundo a tradição judaica, a Torá teria sido escrito por Deus e nunca deve ser modificado.

1.5. Os judeus cultuam um único deus chamado Javé ou Jeová. Para o judaísmo, Deus criou e influencia todo o universo, e se comunica com o seu povo através de profetas.

2. CRISTIANISMO

2.1. Cerca de 2,1 bilhões de adeptos atualmente.

2.2. Existem três ramos do Cristianismo: Protestantismo, Catolicismo e Igreja Ortodoxa.

2.3. Creem na existência de um Deus, criador do universo; de Jesus Cristo, elemento central da religião, considerado o redentor da humanidade; e da vida após a morte.

2.4. O livro sagrado dos cristãos é a Bíblia Sagrada, composta pelo Antigo e pelo Novo Testamento.

2.5. Jesus Cristo nasceu em Belém por volta do ano 6 a.C. Seus ensinamentos morais, como o amor a Deus e ao próximo, fizeram com que sua vida passasse a ser um exemplo a ser seguido. Aos 33 anos, Jesus morreu crucificado injustamente e ressuscitou após o terceiro dia.

3. ISLAMISMO

3.1. Essa crença religiosa atualmente é a segunda maior do mundo, possuindo cerca de 1,8 bilhão de fiéis.

3.2. A expressão ‘islã’ representa ‘submissão’ e traduz a obediência às regras e aos desejos de Alá.

3.3. O livro sagrado dos muçulmanos é o alcorão, e os preceitos ditados são considerados como verdades absolutas, incapazes de conter qualquer falha. Este livro é organizado em 114 suras ou capítulos.

3.4. Como algumas religiões cristãs, também pregam a crença no Juízo Final, com sua divisão entre os justos, que irão para o Paraíso, por toda a eternidade, e os maus, que arderão no fogo do inferno para sempre. Mas, ao mesmo tempo, o homem parece não ter escolha entre o bem e o mau, pois as pessoas parecem ter seu destino já traçado por Alá.